Irmã M. Eresta explica/descrevendo a capela

Irmã M. Eresta explica/descrevendo a capela

por Irmã M. Eresta Mayr

“Lugares de peregrinação são as capitais escondidas do mundo.”
Konrad Adenauer, o primeiro chanceler da República Federativa da Alemanha.

Desde 1849, as Irmãs Escolares viveram e  trabalharam em Birkenstein, um importante lugar de peregrinação na Baviera, Alemanha. A própria Madre Teresa fundou esta missão. A educação das meninas era sua preocupação, e por 117 anos, as Irmãs Escolares ensinavam meninas em Birkenstein. Quando a escola primária foi transferida para uma cidade maior em 1966, a missão de Birkenstein mudou.

Desde então, a peregrinação é nosso foco. Nosso ministério agora é o de sacristã. Um sacerdote cuida pastoralmente das peregrinações. Nós Irmãs somos responsáveis pela capela e pelo ambiente do lugar de peregrinação.

Onde e como as Irmãs realizam seu serviço?

Nós organizamos um horário diário, a celebração de missas, momentos de oração, terços, e explicação da capela. Cada ano, em torno de 50 grupos de peregrinação chegam à Birkenstein; muitas missas para aniversários e jubileus são celebradas como também batizados. Mais que 800 missas são celebradas cada ano.

O que é único sobre nosso serviço como Irmãs? Onde e como nós estamos “no coração do mundo”?

Com o hábito religioso, somos imediatamente reconhecidas como Irmãs. Somos próximas ao povo “todo o tempo”, não apenas durante as “horas do ofício”. Para o povo aqui e para outros, Birkenstein e as Irmãs pertencem juntas, são um. Na sacristia e na portaria do nosso convento, as pessoas registram para as missas. Sendo isto muitas vezes, apenas um pretexto para aliviar seus corações com as Irmãs.  Suas preocupações incluem problemas de saúde, situações familiares, disputas de herança, problemas financeiros, e muito mais. É bom que para os casos difíceis, um sacerdote está disponível.  Elas nos pedem para rezar por suas intenções. As pessoas acreditam que nosso contato com Deus é mais próximo do que o deles.  Muitas vezes recebemos cartas, telefonemas e emails com pedidos para orações. Porém, não são apenas os pedidos que chegam a nós; mas também ouvimos sobre as orações que foram atendidas. Os peregrinos sentem a necessidade de partilhar e falar sobre o que eles experimentam.

Um outro forte momento de graça é a Adoração Eucarística diária, das 7:30 às 10:00. Depois de anos de interagir com peregrinos, nós temos o bom senso de saber se nos aproximamos da pessoa ou se respeitamos sua necessidade para oração silenciosa na capela.

Durante os meus 30 anos de sacristã, meu serviço incluía um tour na capela. As pessoas muitas vezes pedem explicações; elas saem com uma compreensão da riqueza spiritual e teológica da nossa capela. Depois de ter visto este lugar maravilhoso, a nossa esperança é que os peregrinos voltem para suas casas com uma espiritualidade mais forte e mais confiante.

Eu digo àqueles que querem saber por que Birkenstein é tão bonita: “Vinde e vede!”

Este é o melhor serviço que a congregação podia dar-me: ser a sacristã em Birkenstein, no “coração do mundo”.

Foto crédito: Irmã M. Luzilla Klein, Birkenstein, Alemanha